ASSINE o Comitê Popular Rio e receba sempre as últimas notícias

BUSCA no Comitê Popular Rio

Entidades profissionais avaliarão Plano Popular da Vila Autódromo e proposta de remoção da Prefeitura para o condomínio Parque Carioca

11 de março de 2013

O primeiro encontro do grupo acontece nesta segunda-feira (11) na sede do IAB-RJ

Em agosto de 2012, a Associação de Moradores, Pescadores e Amigos da Vila Autódromo (AMPAVA) entregou ao prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, o Plano Popular da Vila Autódromo. O documento, elaborado pela comunidade com assessoria técnica de profissionais da UFRJ e UFF, comprova que a urbanização custaria apenas 20% do previsto com a remoção da comunidade, preservando os vínculos sociais construídos no local há décadas sem prejudicar a realização dos Jogos Olímpicos. O prefeito se comprometeu a responder aos moradores com uma avaliação técnica do Plano em 45 dias, mas isso nunca aconteceu.

Imagem de área de lazer prevista no Plano Popular da Vila Autódromo

Imagem de área de lazer prevista no Plano Popular da Vila Autódromo

A AMPAVA então tomou a iniciativa de convidar entidades profissionais para avaliar as duas propostas para a comunidade: o Plano Popular e a proposta da Prefeitura de remoção dos moradores para o condomínio Parque Carioca. O grupo vai se reunir nesta segunda-feira (11), às 18h30, na sede do IAB-RJ (veja serviço abaixo e programação em anexo). Já confirmaram presença representantes de arquitetos e urbanistas (IAB, CAU, SARJ), planejadores urbanos (ANPUR), engenheiros (SENGE, CREA, Clube de Engenharia), cientistas sociais (ANPOCS), antropólogos (ABA), assistentes sociais (CRSS) e geógrafos (AGB).

Faça o download do Plano Popular da Vila Autódromo
Faça o download do quadro comparativo entre as propostas do Plano Popular da Vila Autódromo e da Prefeitura do Rio

A apresentação será aberta ao público e corresponde ao marco inicial para instalação de um Grupo de Trabalho Técnico-Profissional de especialistas em questões relativas ao desenvolvimento urbano, desenvolvimento social e à moradia. A meta é elaborar um laudo técnico sobre as propostas da Prefeitura e da AMPAVA para a comunidade. O Grupo de Trabalho avaliará qual o projeto mais indicado e recomendará a adoção de medidas adequadas que compatibilizem a realização dos Jogos Olímpicos com o respeito ao direito constitucional à moradia adequada, assim como à função social da propriedade e da cidade.

O Plano Popular da Vila Autódromo contou com assessoria técnica dos pesquisadores do NEPLAC/ETTERN/IPPUR/UFRJ (Núcleo Experimental de Planejamento Conflitual do Laboratório Estado, Trabalho, Território e Natureza do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional da Universidade Federal do Rio de Janeiro) e do NEPHU/UFF (Núcleo de Estudos e Projetos Habitacionais e Urbanos da Universidade Federal Fluminense).

Serviço

Dia e Horário: 11 de março de 2013, às 18h30
Local: Auditório da sede do IAB-RJ
Endereço: Rua do Pinheiro, 10, Flamengo, Rio (esquina com Rua 2 de dezembro)

Saiba mais: Vila Autódromo apresenta projeto inédito de urbanização e exige permanência como legado Olímpico de 2016